CIRURGIA DE SLING

Dr. Valéria Dória Mendes da Costa, CRM 79010, Formada pela Faculdade de Medicina da USP, Residência Médica em Ginecologia
e Obstetricia pela Faculdade de Medicina da USP, Mestrado em Ciências da Saúde pela Famerp
São José do Rio Preto/SP

Um tratamento de incontinência urinária feminina com altos índices de cura.

A incontinência urinária é a perda involuntária de urina que ocorre durante manobras de esforço, como tossir, espirrar, levantar peso ou, até mesmo, mudança de posição. Segundo os dados da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), cerca de 40% das mulheres após a menopausa perdem urina de forma involuntária. A cirurgia de Sling é um dos tratamentos para a incontinência urinária feminina que vem ganhando rápida aceitação no meio médico como a cirurgia de eleição, graças aos índices de cura de 75% a 100%. Minimamente invasiva, com pequeno ou nenhum repouso médico e com tempo de internação hospitalar muito pequeno, a técnica de inserção de Sling Transobturatório é indicada para os casos mais graves de incontinência urinária em mulheres, quando as perdas urinárias ocorrem em situações em que um mínimo aumento da pressão no abdômen, tal como falar, sorrir, pigarrear ou mesmo ficar de pé, o que denota a incompetência esfincteriana interna.

Essa cirurgia consiste, simplificando, na introdução de uma fita de polipropileno abaixo da uretra, por via vaginal, com o objetivo de aumentar a resistência uretral e reduzir a perda de urina de forma involuntária. Os riscos da técnica são mínimos, mas existem e, por isso, é importante lembrar que a experiência do médico e o profundo conhecimento da anatomia pélvica são fundamentais para a realização desse tratamento, uma vez que, ao contrário das técnicas cirúrgicas abertas e convencionais, as estruturas não são visualizadas diretamente. A cirurgia de Sling Transobturatório não é realizada por observação direta e, por isso, o cirurgião deve conhecer exatamente o trajeto de estruturas nobres, tais como nervos e vasos sanguíneos, além dos outros órgãos pélvicos vizinhos à bexiga e uretra.

ADQUIRA A REVISTA
No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

CONTATO

Av. Nadima Damha, nº 2.045
Jardim Yolanda
São José do Rio Preto | SP
(17) 3235-1821, (17) 3211-9860,
(17) 3305-3721, (17) 3305-3731,
17 99627-0999 (Whatsapp)
comore@revistainterarq.com.br

Pautas
Sugestões enviar para redacao@comore.com.br